Cifras e Tablaturas
Maneva

Pisando Descalço

Maneva

Compositor : (Tales de Polli)

Cifras Cancelar Versão de Impressão

Maneva - Pisando Descalço

  				 

                Em7                                                                                              Bm7 
Pisando descalço nesse chão molhado Deito do teu lado para relaxar 
   Em7                                                                                                      Bm7 
Fazendo fogueira, sem eira nem beira Deitado na esteira vendo o luar 
Bm7            Bbm7    Am7                        D                         D#º               Em7 
       Pego o meu violão Canto uma canção que já fez maluco se por a dançar 
                    C                                            D                                          Em7 
Aquele doce Que derrete a mente no desembaraço desse meu cantar 
                   C                                          D                                                    Em7 
Aquela morena De saia pequena com seus olhos grandes parece voar 
                        C                                                 D                                             Em7    Bm7   Em7  Bm7 
Hoje na natureza Não importa a feira é dia de doideira e não de Trabalhar 
                Em7                                                                                              Bm7 
Pisando descalço nesse chão molhado Deito do teu lado para relaxar 
                  Em7                                                                                       Bm7 
Fazendo fogueira, sem eira nem beira Deitado na esteira vendo o luar 
Bm7            Bbm7    Am7                        D                         D#º               Em7 
       Pego o meu violão Canto uma canção que já fez maluco se por a dançar 
                    C                                            D                                          Em7 
Aquele doce Que derrete a mente no desembaraço desse meu cantar 
                   C                                          D                                                    Em7 
Aquela morena De saia pequena com seus olhos grandes parece voar 
                        C                                                 D                                                      Em7 
Hoje na natureza Não importa a feira é dia de doideira e não de Trabalhar 
C                                            D                                                  Em7 
    Não importa a feira é dia de doideira e não de Trabalhar 
C                                            D                                                  Em7 
    Não importa a feira é dia de doideira e não de Trabalhar 

Solo: C  D  Em7  C  D  Em7 

                         Em7                             Bm7 
Brinco pelo espaço, estreitando laços Eu não tenho fardos para carregar 
                         Em7                                                                                        Bm7 
Minha vida é plena, não faço besteira Peço a padroeira pra me abençoar 
Bm7          Bbm7        Am7                        D                D#º    Em7 
    Escuto meu coração Pois a minha razão muitas vezes atrapalha o meu pensar 
                         C                                  D                                                        Em7 
E ele me trouxe O discernimento justo no momento em que pensei parar 
                 C                                  D                                                        Em7 
Saí do dilema Entre o asfalto duro e olhar paredes prefiro cantar 
                        C                                   D                                                           Em7 
Hoje na natureza Não importa a feira é dia de doideira e não de trabalhar 
C                                            D                                                  Em7 
    Não importa a feira é dia de doideira e não de Trabalhar 
C                                            D                                                  Em7 
    Não importa a feira é dia de doideira e não de Trabalhar 
C                                            D                                                  Em7 
    Não importa a feira é dia de doideira e não de Trabalhar 
C                                            D                                                  Em7 
    Não importa a feira é dia de doideira e não de Trabalhar 
     
fixar na tela
enviado porenviado por: Acelot
cifra enviadaCorrigida por: sem correções
afinação

Toque com outra afinação
Modifique a corda abaixo ou utilize um dos presets.

Dacorde
Aacorde
Eacorde
braço violão
Gacorde
Bacorde
Eacorde
logo top cifrasComente
ico música do artistaMúsicas deste artista
ico curtiuCurtiu?
ico destaqueDestaque
r7
Petaxxon Comunicação Online

Cifras.com.br - Melhor e mais completo site de cifras e tablaturas do Brasil Mais de 1 milhão de acordes de músicas cadastradas desde 2003
As informações contidas no nosso site são colaborações de seus usuários e podem conter erros, sendo assim, não nos responsabilizamos sobre nenhuma destas.

close
menos
mais
close
Cor dos acordes:

Cor da letra:

close
Alinhar acordes a direita Alinhar acordes a esquerda Alinhar acordes em baixo Alinhar acordes no topo
close
  Mostrar todos os acordes Esconder acordes muito fáceis Esconder acordes fáceis Esconder acordes intermediários
redimensionar
glossário