Cifras e Tablaturas
Lourenço e Lourival

Lourenço e Lourival

A Sementinha

Cifras Cancelar Versão de Impressão

Lourenço e Lourival - A Sementinha

Tom: A

  			Intro: A  E  B7  E 

     E                            B7 
1-Lá na casa da fazenda onde eu vivia, 
                                  E 
  Numa manhã de garoa e de céu nublado. 
    C#m                              B7 
  Achei no chão do terreiro uma sementinha, 
                                       E 
  Pensei logo em plantá-la no chão molhado. 
     E                            B7 
--O tempo passou depressa e a mocidade, 
                                             E 
  Chegou como chega a noite  ao cair da tarde. 
   C#m                           B7 
  Veio morar na fazenda uma caboclinha, 
                                        E 
  Graciosa, bela e meiga, e na flor da idade. 

Intro: A  E  B7  E 

   E                               B7 
  Iniciou-se um romance entre eu e ela, 
                                    E 
  Na sombra aconchegante de uma paineira. 
    C#m                             B7 
  Dei a ela uma rosa com muita esperança, 
                                         E 
  Que eu colhi de um galhinho daquela roseira. 
     E                           B7 
  Marcamos o casamento  pra o fim do ano, 
                                      E 
  Pra mim só existia ela e pra ela só eu. 
        C#m                                B7 
  Pouco mais de uma semana para o nosso idílio, 
                                   E 
  A minha flor prometida doente morreu. 

Intro: A  E  B7  E 

    E                            B7 
3-Arranquei o pé de rosa da primavera, 
                                   E 
  E plantei na sepultura de minha amada. 
       C#m                            B7 
  Todas tardes eu molhava com o meu pranto, 
                                          E 
  A roseira foi murchando e acabou-se em nada. 
     E                         B7 
--A chuva foi embora e o sol ardente, 
                                     E 
  Matou a minha roseira e secou meu pranto. 
         C#m                     B7 
  Só não matou a saudade da caboclinha, 
                                    E 
  Pois eu vejo sua imagem por todo canto. 

Intro: A  E  B7  E 

      E                                 B7 
4-Por isso é que eu vivo longe da minha terra, 
                                     E 
  Seguindo a longa estrada da minha vida. 
     C#m                           B7 
  Procuro viver sorrindo mas no entanto, 
                                     E 
  Eu choro ao  recordar a amada querida. 
    E                          B7 
--O destino como sempre é caprichoso, 
                                 E 
  É cheio de traições e de sonhos loucos. 
       C#m                            B7 
  Tal qual aquela roseira e a minha amada, 
                                           E 
  Eu precinto que também vou morrendo aos poucos. 

Intro: A  E  B7  E  B7  E 
    	
fixar
fixar inscrever-se

enviado porenviado por: gustsilva
cifra enviadaCorrigida por: sem correções
afinação

Toque com outra afinação
Modifique a corda abaixo ou utilize um dos presets.

Dacorde
Aacorde
Eacorde
braço violão
Gacorde
Bacorde
Eacorde
logo top cifrasComente
ico música do artistaMúsicas deste artista
ico curtiuCurtiu?
ico destaqueDestaque
Petaxxon Comunicação Online

Cifras.com.br - Melhor e mais completo site de cifras e tablaturas do Brasil Mais de 1 milhão de acordes de músicas cadastradas desde 2003
As informações contidas no nosso site são colaborações de seus usuários e podem conter erros, sendo assim, não nos responsabilizamos sobre nenhuma destas.

close
menos
mais
close
Cor dos acordes:

Cor da letra:

close
Alinhar acordes a direita Alinhar acordes a esquerda Alinhar acordes em baixo Alinhar acordes no topo
close
  Mostrar todos os acordes Esconder acordes muito fáceis Esconder acordes fáceis Esconder acordes intermediários
redimensionar
glossário